fbpx

Blog Openk

Provedora de soluções de vendas e gestão

  1. Home
  2. • blog

18/05/2018
Comentários

As redes sociais e o e-commerce caminham lado a lado na sua estratégia de divulgação e a captação de novos clientes, especialmente se você dedica um bom tempo para realizar o trabalho de divulgar e está atento aos resultados sendo obtidos.

A integração entre os esforços de vendas no site, por e-mail e todas as estratégias de divulgação com as redes sociais é a melhor opção para que você aumente as vendas no seu e-commerce e afirme ainda mais a identidade da sua marca.

Neste artigo, vamos elaborar um pouco mais sobre a relação íntima entre redes sociais e o e-commerce, mostrando como ela se dá, o que oferece e, por fim, como realizá-la.

Podemos começar?

Redes sociais e o e-commerce: qual é a relação?

As redes sociais e o e-commerce possuem uma grande interação na sua estratégia de divulgação, sendo que se utilizar de mídias como o Facebook e o Instagram já está deixando de ser uma recomendação e passando a ser uma necessidade.

Antes de entrar nos pormenores técnicos, vamos olhar por um viés comparativista: é muito mais fácil hoje em dia encontrar um e-commerce com redes sociais do que um que não. Trabalhar com a internet requer a transmissão do entendimento de que você realmente entende do mundo online, e é nesse ponto que as redes sociais atuam.

As redes sociais e o e-commerce, então, são complementares, sendo que elas são o seu principal canal de divulgação de promoções, produtos e de comunicação com o seu cliente.

A divulgação de promoções e produtos

Se você trabalha com lojas físicas, a maneira convencional por muitos anos para a divulgação de produtos específicos, preços e promoções era o panfleto, os outdoors e toda sorte de mídia física e divulgação offline.

redes sociais e o e-commerce

Ao mesmo tempo, o e-commerce opera completamente online, sendo que o canal adequado para a divulgação, então, também precisa ser online. O alcance é muito maior dessa forma, já que a grande maioria da população que compra em e-commerces também possui redes sociais.

Trabalhar redes sociais e o e-commerce em conjunto, então, é o melhor caminho tanto pela adequação dos canais quanto pela possibilidade de encontrar seus clientes onde eles passam a maior parte do tempo.

Por que trabalhar redes sociais e o e-commerce?

Os canais digitais possuem grandes vantagens em relação a outros, que são ainda mais exacerbados quando o negócio opera completamente online.

Mensuração de resultados

A possibilidade de medir os resultados em redes sociais é um das suas maiores vantagens. A possibilidade de saber exatamente se a sua estratégia está dando resultado ou não é uma grande revolução na publicidade e no marketing, algo que os modelos físicos não oferecem com tanta precisão.

As redes sociais apontam em tempo real qual está sendo o alcance das publicações de promoções e produtos, além de mostrar quantos clicaram nas chamadas para a ação e qual foi a aceitação de determinado modelo de atuação.

Dessa forma, é possível integrar as métricas dos seus sites e poder compreender com muito mais abrangência o trabalho sendo feito em todas as frentes.

Aumento das vendas

Com a possibilidade de divulgar bem nas redes sociais e medir o que realmente funciona e o que não, você consegue um aumento das vendas gradual, que já começa a se mostrar em muito pouco tempo.

Publicações direcionadas

A definição do seu público alvo é um dos passos mais importantes para o e-commerce se comunicar com eficácia.

 

O que as redes sociais e o e-commerce tem em comum nessa área é a segmentação do público para o qual as mensagens serão exibidas. Quando você sabe o que precisa dizer de acordo com o seu público e consegue encontrar somente esse público na internet para a divulgação, o trabalho rende mais e as conversões são mais garantidas.

Como integrar redes sociais e o e-commerce e vender muito?

O que você precisa fazer é padronizar a divulgação das suas comunicações, sejam elas quais forem, nas suas redes sociais.

Então, se você quer dar destaque para algum produto, publique um banner e o divulgue nas redes sociais. Altere sua foto de capa do Facebook para uma que esteja de acordo com o seu e-commerce, e padronize todas as artes dos seus posts nessa mesma direção.

Procure também dar atenção especial e valorizar o patrocínio de posts. Com valores pequenos se comparados ao seu faturamento é possível ter um grande crescimento, que muitas vezes pode chegar a representar quase o dobro do seu atual.

Tudo isso, é claro, é muito mais eficaz se você trabalha com profissionais qualificados e tão dedicados ao seu crescimento quanto você. O suporte de uma agência, então, é fundamental.

Quer saber mais sobre a realidade do e-commerce? Então não deixe de seguir o blog da OpenK! Trazemos muito mais informações relevantes como essas toda sexta feira. Até a próxima!


Comentários

Deixa seu Comentário