fbpx

Blog Openk

Provedora de soluções de vendas e gestão

  1. Home
  2. • blog

20/07/2018
Comentários

O e-commerce se caracteriza pela sua simplicidade e pelo baixo investimento. Ao invés de se gastar muito abrindo uma loja física, investe-se apenas no mais necessário para começar a vender. E o melhor é que o canal online ainda oferece mais oportunidades para economizar. Esse é o caso do dropshipping no e-commerce.

Essa é uma tendência que já está praticamente consolidada, sendo que provavelmente você já deve tê-la presenciado alguma vez na vida sem nem ao menos saber. A nova tendência é a massificação do dropshipping no e-commerce, com maior adesão de pequenos e médios empreendedores.

Quer saber um pouco mais sobre o dropshipping no e-commerce? O que ele é e as oportunidades que representa? Então continue a leitura deste artigo!

O que é o dropshipping no e-commerce?

O objetivo do dropshipping no e-commerce é bem simples: a busca por economia nas operações através da redução ou extinção completa do estoque. Mas isso é possível, vender sem exatamente ter os produtos? Não só é possível como é o caminho que vários empreendedores estão seguindo.

O dropshipping no e-commerce em si é o ato de vender mas não necessariamente encaminhar você mesmo o produto. Você trabalha com um fornecedor parceiro que irá, após a compra feita, ele mesmo separar seu produto e enviar para o cliente.

É com isso que o e-commerce passa a operar sem estoque. A atenção é que precisa ser redobrada para o acompanhamento das entregas e para evitar que ocorram vendas com o produto indisponível para envio.

Esse fornecedor pode ser uma distribuidora, um intermediário na cadeia de suprimentos ou até mesmo a própria indústria. O Brasil vive um grande avanço do dropshipping no e-commerce, principalmente em parceria com indústrias internacionais, especialmente na China.

Negócio da China

O dropshipping no e-commerce é especialmente popular entre revendedores brasileiros e indústrias chinesas. Esse processo de importação, quando bem documentado, não tem nada de misterioso: é apenas a contratação de uma mão de obra mais barata e já habituada a esse tipo de transação.

A compra da China e a entrega nas mãos do cliente inclusive é empregado por grandes e-commerces, especializados em atender diretamente o cliente final com uma infinidade de produtos.

Porém, é necessário observar a legislação vigente e entender o que pode e o que não pode cruzar oceanos e continentes. Também deve haver uma atenção especial às normas alfandegárias, algo que, se desrespeitado, é até mesmo considerado criminoso.

dropshipping no e-commerce: avião decolando no céu azul

Quais as vantagens do dropshipping no e-commerce?

O dropshipping no e-commerce possui várias vantagens, e nem todas relacionadas diretamente com questões financeiras. Vamos conhecer algumas?

Operando de qualquer lugar

Poder trabalhar de qualquer lugar é uma das grandes vantagens que o dropshipping oferece. Como sua operação está baseada quase inteiramente na internet – se não totalmente mesmo – você não precisa de um espaço de trabalho, só de Wi-fi.

dropshipping no e-commerce: homem no quarto, sentado na mesa trabalhando em seu computador

Portanto, não há custos adicionais com a compra de equipamentos, com a locação de um imóvel ou com acondicionamento dos produtos. Você estabelece suas parceiras, coloca o negócio para funcionar e pronto.

Menos riscos de prejuízo

O dropshipping no e-commerce também elimina os riscos de sair no prejuízo com as suas mercadorias. Cada transação é uma micro operação individual, sendo que as perdas por extravio ou outros problemas são muito menores.

Além disso, você também deixa de se preocupar com produtos parados no estoque. Se eles não estão vendendo, é só isso: eles não estão sendo vendidos. Você não os comprou por antecedência, então não existe prejuízo.

Diferenciais do dropshipping no e-commerce: como se destacar?

No mundo dos e-commerces globais e dos marketplaces, o dropshipping já é uma realidade testada e aprovada já há algum tempo. Isso significa que a tendência se consolidando nos pequenos e médios já vai chegar em um mercado que conhece o produto e possui ampla concorrência.

Portanto, é necessário se destacar. Aposte em trazer valor ao seu produto, mostrando seus benefícios com mais veemência através do marketing digital.

Também não esqueça de mostrar que não há o menor problema em confiabilidade pelo seu trabalho com o dropshipping no e-commerce: entregue no prazo e seja transparente com o seu cliente.

Oferecer a melhor experiência de compras é o que todo e-commerce deve se propor a fazer, com dropshipping ou sem. Se você opta por seguir esse segundo caminho, porém, é necessário trabalhar um pouco mais a fundo essas questões, e não deixar nada passar. A reputação do seu e-commerce depende disso.

Pronto, então já sabemos o que é o dropshipping e como ele funciona, não é? Agora, que tal conhecer mais sobre o estoque virtual e compreender como ele pode influenciar a forma como você vende?

E o mais importante, é claro: como estruturar um sistema de dropshipping no seu e-commerce agora mesmo? Algumas questões perpassam a implantação desse sistema, que não é tão difícil de fazer, mas que precisa de um acompanhamento de perto para ser colocado para funcionar.

Que tal nos aprofundarmos no assunto?

Algumas questões do estoque virtual

Já falamos sobre a redução de gastos que o estoque virtual representa para você. Mas a verdade é que existem várias outros tópicos que podem ser abordados sobre esse tema, além de dúvidas que podem surgir. Para esclarecer tudo, preparamos abaixo algumas respostas para as questões mais importantes.

dropshipping no e-commerce: caixas de podutos

Dá para rastrear a entrega?

Sim, é possível acompanhar o andamento da entrega. O seu negócio continua sendo responsável pela entrega, mesmo que o serviço seja realizado por uma outra empresa. Para que isso seja coordenado da melhor forma possível, é preciso que você também esteja sempre de olho na localização da encomenda.

As empresas que vão possibilitar que seu negócio funcione com dropshipping e estoque virtual estão acostumadas a lidar com essa questão e vão oferecer todo o auxílio necessário para que você mantenha os clientes satisfeitos com as entregas. Você só precisa estar ciente de que não pode deixar pra lá essa responsabilidade. O cliente vai tratar com você, não com o fornecedor.

Qual é a capacidade logística dos fornecedores?

Os fornecedores com os quais você vai trabalhar precisam ser confiáveis em relação à logística de entrega. Não faz sentido trabalhar com parceiros que não fornecem esse tipo de garantia. Para isso, você precisa identificar se seu parceiro oferece um serviço de qualidade.

O primeiro sinal de que a empresa tem o que é necessário para realizar o dropshipping é ter o serviço de entrega realizado por uma empresa de logística idônea, como a UPS, os Correios, etc. O ideal é ter duas garantias: controle das entregas e, principalmente, agilidade.

dropshipping no e-commerce: van que entrega produtos parada na porta de residência para fazer entrega

Alguns fornecedores oferecem serviço logístico próprio, o que em geral significa também que não haverá dificuldades no assunto. O ideal é testar o serviço antes, fazendo três ou quatro compras separadas para ver se os prazos de entrega são praticados como prometidos.

Se o fornecedor utilizar uma empresa de logística terceirizada e relativamente desconhecida, é possível que o serviço não esteja disponível para todos os seus clientes. Pesquise sobre a empresa de entregas antes, e um pé atrás é sempre recomendado.

Como empregar um sistema de gestão no estoque virtual?

Existem várias opções de serviços que ajudam a gerir o seu estoque virtual. Uma alternativa, por exemplo, é o REStock da OpenK, que conta com relatórios de acompanhamento de vendas, gerenciamento de mercadorias que vão ser disponibilizadas, estabelecimento de parâmetros para as condições de preço e forma de pagamento, além da facilidade de integração do fornecedor com a sua loja.

Através de sistemas de gestão como o REStock, fica mais simples visualizar o que está acontecendo com o seu negócio e a forma como o estoque virtual está trabalhando.

Quero implantar o estoque virtual no meu negócio

Existe um caminho a ser seguido para conseguir instaurar o estoque virtual na sua empresa. Basicamente, o passo a passo a partir do zero é assim:

  • Pesquisar plataformas;
  • Decidir fornecedores;
  • Observar a situação financeira;
  • Compreender a burocracia;
  • Criar o canal de vendas por e-commerce.

O primeiro passo para ter um estoque virtual na sua loja é pesquisar as plataformas que trabalham com esse tipo de serviço e quais fornecedores da sua área disponibilizam esse tipo de venda. Nesse ponto, é importante ter consciência de qual é o seu nicho de mercado.

Analise o perfil do fornecedor e veja se ele tem muitas reclamações sobre suas entregas. Esse é o caminho para avaliar a confiabilidade do serviço. Tenha em mente que a entrega e a qualidade do produto continuam sendo sua responsabilidade, pois é a sua empresa que será cobrada pelo cliente caso algo dê errado.

dropshipping no e-commerce: pessoa mexendo no notebook para trabalhar e tomando um chá

Fornecedores internacionais podem funcionar e até oferecer preços mais vantajosos para seu negócio, mas no caso de dropshipping lidar com um fornecedor estrangeiro é sinônimo de entrega demorada.

Com tudo isso em mente, é hora de começar pensar nas questões financeiras e nos impostos que envolvem o processo. Se você decidir trabalhar com fornecedores internacionais, é preciso cuidado redobrado com esses aspectos.

Depois de ter a logística e a burocracia bem estabelecidas, o próximo passo é se preocupar com a sua loja. Faça uma plataforma e-commerce atrativa e se prepare para conquistar clientes para o seu canal de vendas através de iniciativas de marketing.

O estoque virtual é uma excelente oportunidade para ampliar seus lucros. Por ser ainda uma novidade, é normal que você tenha dúvidas sobre o processo, mas é só estudar bem as possibilidades para ser capaz de alcançar o que precisa.

E se precisar de ajuda, pode contar com o REStock! Na plataforma de gestão de dropshipping da OpenK você encontra todas as ferramentas que precisa para acompanhar o dia a dia do seu negócio e testar todas as alternativas antes de fazer sua escolha. Venha conhecer!

A OpenK é especialista nas mais variadas formas de criar um e-commerce, incluindo um modelo com dropshipping. É necessário todo um apoio de back-end para garantir os melhores resultados, serviço esse no qual nos especializamos.

Entre em contato conosco e vamos continuar essa conversa!


Comentários

Deixa seu Comentário