fbpx

Blog Openk

Provedora de soluções de vendas e gestão

  1. Home
  2. • blog

26/11/2021
Comentários

Mulher digitando em notebook, ao lado caneca e caderno. Ao fundo, decoração de escritório.

Não, este não é um texto sobre “o que você precisa fazer para vender na Black Friday” como tantos outros e também não é um “overview Black Friday 2021 com projeções e expectativas”. Já falamos disso antes e, sendo sinceros, a essa altura esperamos que sua loja esteja prontinha!

Hoje já é o grande dia! Você trabalhou duro para isso, toda a sua campanha já está rodando e não vamos interferir nisso. Mas acredite: mesmo com tudo organizado, imprevistos podem acontecer. Pode acreditar que sim! Muita coisa pode mudar ao longo desta sexta-feira e final de semana e é importante saber onde ajustar. Atenção que o texto de hoje é extremamente necessário!

Vamos falar daqueles pontos que muita gente nem lembra que existe, mas que podem estragar todo o resultado da Black Friday 2021. Quer uma operação tranquila e de sucesso? Então vem com a gente…

Dica 1: Monitoramento do site e sistema

Foto da parte interna de um CPU de computador. Entre as peças há uma etiqueta de “Black Friday".

Isso é real e pode ter certeza que vai acontecer muito esse ano: muita gente investindo um monte em marketing, contratando influencers e colocando o preço lá em baixo. O resultado? Vários acessos no site. E acha que isso significa uma chuva de vendas? Isso vai depender do seu site.

Acontece que todo site foi preparado para receber uma quantidade “X” de acessos simultâneos, e é bem provável que, no seu caso, esse limite seja bem abaixo do que está planejando na Black Friday 2021. Seria como o dia de lançamento das vendas do Rock in Rio e ninguém conseguisse comprar porque todos estão tentando na mesma hora…

💡 Quer fazer o teste? Acesse thinkwithgoogle.com e veja quanto tempo o seu site leva hoje para carregar totalmente. Se for mais de 3 segundos pode se preocupar. Isso porque, além de frustrar o seu cliente, o próprio Google costuma penalizar páginas mais lentas, jogando lá para baixo nas pesquisas dos usuários.

Para que isso não aconteça na sua Black Friday 2021 é essencial que você, sua equipe ou a desenvolvedora do site fiquem atentos para não ultrapassar o limite de banda do servidor.

Então vamos à prática:

  • Prepare seu sistema: É importante saber por onde iniciar o monitoramento. Para isso você precisa medir a atividade e a forma como seus hardwares funcionam várias vezes e sob condições diversas. Só assim vai ser possível conseguir métricas para identificar os principais problemas presentes em seu sistema – e se antecipar na resolução;
  • Aposte em estatísticas e ferramentas: A Black Friday 2021 é agora! Para te poupar tempo, sugerimos instalar um DNS em suas máquinas. Essa ferramenta estará em sincronia com seu sistema e vai rastrear os itens do seu servidor. Ou seja, você vai poder ficar tranquilo que todos os recursos vão funcionar melhor a partir desse monitoramento constante e automatizado.
  • Configure as notificações: Ainda tem como criar alertas de notificações. Assim, se acontecer algum problema, você e o profissional responsável vão ficar sabendo imediatamente ou, inclusive, colocar atualizações automáticas para evitar que algo saia do controle e fique sem solução imediata no maior dia de vendas do seu ano. Útil, não é?
  • Configure relatórios: Essa é uma medida que não vai funcionar para a Black Friday 2021, mas sim em todas as suas próprias grandes campanhas. Esses relatórios vão registrar a performance de cada servidor e até possíveis problemas. Com isso você já vai saber – e poder corrigir – os gargalos que o sistema tem hoje.

#DicaOpenK: Provavelmente não vai dar tempo de você pensar nisso ainda para a Black Friday 2021, mas já que está analisando o sistema, aproveite para analisar como o seu site anda performando para desktop e dispositivos móveis também. Para descobrir quais critérios utilizar, dê uma olhada no texto de “design responsivo para e-commerce”.

Dica 2: Faça a separação prévia

Mulher digitando em notebook, ao lado caneca e caderno. Ao fundo, decoração de escritório.

O dia oficial da Black Friday 2021 é hoje, mas se te conhecemos bem já começou sua campanha ao longo desta semana, não foi? Isso é ótimo! No ‘esquenta’ da Black Friday, as vendas pela internet cresceram 41% em 2020 e a expectativa é que esse comportamento se repita neste ano.

Mas além disso, um ponto importante dessas vendas prévias é que elas dão um termômetro de quais produtos são queridinhos da sua edição. Então o que sugerimos é que você pegue todos (ou ao menos boa parte) desses produtos que sabe que terão boa saída e deixe separado e embalado, prontinho para ser expedido. Quando cair a venda é só pregar a etiqueta e mandar para o cliente.

Por que isso? Porque assim como os servidores, a frota rodoviária no Brasil também não está preparada para a alta demanda da Black Friday 2021. Todo ano é a mesma coisa: os Correios e transportadores não conseguem entregar tudo a tempo, as queixas por problemas em compras na Black Friday batem recorde e a reputação do seu e-commerce é que sai manchada. Mas essa dica simples vai adiantar bastante o processo!

#DicaOpenK: Quer conhecer opções para deixar o seu frete ainda mais ágil sem te custar rios de dinheiro? Veja o nosso “guia da Entrega com as melhores formas de envio”.

Dica 3: Seja dedicado no atendimento

Atendente sorridente em escritório descontraído. Ela está com um headphone e caneta enquanto olha para tela à sua frente.

Se está fazendo uma campanha de Black Friday 2021 bacana, pode ter certeza de que, além daqueles clientes que já te acompanham, você também atingiu vários outros novos compradores que ficaram impactados e resolveram dar uma chance à sua marca… Isso se você começou essa relação com o pé direito.

Hoje, mais do que qualquer outro dia, é super importante que você tenha alguém da equipe de olho nos canais de atendimento. E estamos falando do tradicional “SAC e e-mail”, mas também das mídias sociais, ok? Hoje todos estão ansiosos, então, no menor dos infortúnios, pode esperar que a sua última postagem vai ser onde ele vai despejar toda a frustração – e impactar quem te acompanha por lá.

É preciso estar pronto para atender e tirar dúvidas que apareçam no processo de compra. A síndrome do carrinho abandonado assombra muitas lojas, mas na Black Friday 2021 esse medo tem um peso maior.

E dizemos mais: se sua loja não atender as expectativas, existem outras dezenas com descontos prontinhas para recebê-los. Então, nada de dar essa brecha para o concorrente, ok?

Dica 4: Acompanhe a meta – e se preciso, adapte-a

Foto de mulher em escritório com luzes futuristas. Ela está sorrindo em sua mesa enquanto olha para o celular.

A essa altura esperamos que parte da sua organização para a Black Friday 2021 tenha envolvido uma previsão de vendas – você fez, né? Agora, o próximo passo é acompanhar todos os seus pedidos durante o dia todo.

Mas só acompanhar? Claro que não! Quando falamos de campanhas assim, nenhum extremo é interessante:

  • Vendas demais: A gente sabe que hoje, ver as vendas chegando e o seu estoque chegando ao fim é animador e, muitas vezes, ficamos tentados a dar um “jeitinho” de aumentar o estoque sem tê-lo. Não faça isso! Não tem como garantir que o fornecedor vai conseguir “quebrar o seu ganho”, além disso arriscar estremecer a relação com seu cliente não vale a pena;
  • Vendas de menos: Aí não tem jeito. É a hora ideal para reagir e deixar de lado a precificação que você estipulou antes do evento. Para salvar o faturamento, é possível até lançar uma promoção relâmpago e conseguir vender o que pretendia, com descontos maiores. Com certeza vai atrair muita gente – só não pode esquecer da divulgação!

#DicaOpenK: Se ainda não atingiu a sua meta, vai ser preciso abaixar os preços? É sim, mas nada que comprometa a saúde do seu negócio ou mesmo que te force a abdicar do lucro. Para saber o “X ideal”, leia sobre “precificação de produtos na Black Friday: definindo preços sem prejuízo”.

Dica 5: Mantenha a calma na Black Friday 2021!

Foto de mulher em posição de lótus em sua cadeira no escritório. Ao lado, em segundo plano, há outro funcionário.

A gente sabe que enfrentar a Black Friday 2021 não é fácil: você depositou noites em claro, investimentos e muita energia no dia de hoje. É natural que as suas expectativas estejam altas.

Mas vamos te contar um segredo: mesmo com tanta organização, não é possível ter o controle de tudo! Pode esperar que algum problema vai acontecer – a diferença é que depois desse texto seu preparo para resolver será bem maior e ainda sairá por cima.

E todos os imprevistos se resumem a essa lista? Lamentamos informar, mas não. Neste caso, não se desespere! Respire, pense duas, três vezes e acima de tudo: seja sincero com o seu cliente! Se acontecer algo com o pedido dele, entre em contato, explique o que aconteceu, dê um “mimo” se necessário… Mas não ache que fingir que nada aconteceu é o melhor caminho – mesmo quando foi algo que nem aconteceu por culpa sua.

Quer um exemplo? As fraudes no e-commerce: você vendeu para um estelionatário, enviou o pedido e, quando se deu conta, o cliente começou a reclamar de uma cobrança indevida. Chato né?

Mas isso também tem como resolver! Quer saber como? Leia o texto de “pagamentos online: segurança só com sistema antifraude”.

Então é isso! Para a Black Friday 2021 acreditamos que não temos mais muito a fazer a não ser te desejar boas vendas. Para amanhã, a edição do ano que vem e todo o resto da vida do seu e-commerce, conte com a gente! É só clicar nesse banner aqui:

Uma mão tocando tela de notebook com o texto: “muito mais que uma plataforma online. Acesse nosso site agora”.


Comentários

Deixa seu Comentário